Obras

O VOLTAR
Stravinsky Pulcinella
Música e DançaStravinsky

Música e Dança | Stravinsky – Pulcinella – Balé em um ato

Igor Stravinsky já tinha composto três obras revolucionária para os Balés Russos: Pássaro de Fogo, Petrushka e a Sagração da Primavera.

Após a tragédia da Primeira Guerra Mundial, o empresário Sergei Diaghilev, chefe dos Balés Russos, queria algo mais suave, mais reconfortante. Apresentou então a Stravinsky uma coleção de peças barrocas que tinha trazido da Itália. Stravinsky leu as diversas partituras e se encantou com peças atribuídas (muitas por engano) ao compositor Giovanni Battista Pergolesi (1710–1736).

Pulcinella estreou, com grande sucesso, em 1920, e é a primeira obra da chamada fase neoclássica de Stravinsky. Ele preservou a maior parte das composições atribuídas a Pergolesi, mas acrescentou harmonias picantes e frases de ritmos irregulares à música.

No balé, o protagonista Pulcinella é o herói tradicional da commedia dell’arte napolitana, que conquista todas as moças da cidade. Enfurecidos, seus namorados planejam matá-lo, mas ele os engana e arranja um doublé que finge morrer e é depois ressuscitado por Pulcinella disfarçado.

StravinskyPulcinella | Basler Ballet; coreografia de Heinz Spoerli | Academy of Saint Martin in the Fields, com Neville Marriner (regente)