Obras

O VOLTAR
1937-sergei-prokofiev-assinatura-romeu-e-julieta
Clássicos 1 AnoMelhores MomentosProkofiev

Prokofiev – Romeu e Julieta

O balé Romeu e Julieta, em sua forma original, foi concluído por Prokofiev em 1935. Suítes da música foram apresentadas em Moscou e nos Estados Unidos, porém, o balé completo só foi estreado em 1938, em Brno (hoje na República Tcheca).

A Dança dos Cavaleiros faz parte da cena do baile do Primeiro Ato do balé. Nela, encontramos os Capuletos e os Montecchios, duas famílias rivais de Verona.

A intenção dessa dança sombria e grandiosa é mostrar o caráter da família Capuleto. Seus temas serão associados a Tybalt, jovem de temperamento violento, e, posteriormente, à família Capuleto como um todo. O episódio central, tranquilo e lírico, mostra Julieta relutantemente dançando com Paris, um pretendente que lhe fora arranjado.

A orquestração da Dança dos Cavaleiros é rica e variada. O vídeo destaca com clareza as cordas tocando em uníssono contra um baixo pesado; os poderosos metais conduzidos por trompas, depois trombones, trompetes e tuba; na percussão, tambores e mais adiante um pandeiro. No episódio central as madeiras têm destaque: clarinetas, piccolo, flautas, oboés, fagotes e o longo contrafagote.

 Prokofiev – Romeu e Julieta: Dança dos Cavaleiros | Valery Gergiev dirige a London Symphony Orchestra.

Aqui, assistimos à Dança dos Cavaleiros na montagem pelo Royal Ballet, da Royal Opera House: