BLOG

B VOLTAR
família do oboé

A FAMÍLIA DO OBOÉ

A família do oboé é muito extensa. Do mais grave para o mais agudo temos o heckelfone, o oboé baixo, o corne inglês, o oboé d’amore, o oboé e o oboé piccolo.  

Os tipos mais usados são o oboé (o soprano da família), o oboé d’amore (o contralto) e o corne inglês (o tenor). Os exemplos nas figuras acima são de instrumentos modernos.

No vídeo a seguir, ouvimos o oboísta Albrecht Mayer interpretar uma seleção de peças de Händel transcritas para o oboé: 

Händel – 1. Largo para Oboé; 2. “Tornami a vagheggiar”, da ópera Alcina; 3. “Country Dance”, de Water Music | Sinfonia Varsovia e Albrecht Mayer (oboé)

Há também os chamados oboés barrocos (sem válvulas), usados em interpretações historicamente informadas. Esse tipo de execução musical usa instrumentos originais de época, como os do tempo de Bach e Händel, por exemplo. 

Compare as imagens de um oboé moderno e um oboé barroco:

oboé barroco (esquerda) comparado com oboé moderno (à direita)

oboé barroco (esquerda) comparado com oboé moderno (à direita)

Na família do oboé barroco, há ainda o oboé da caccia, assim chamado por sua semelhança com a trompa de caça:

oboe-da-caccia

Oboé da Caccia

Ouça o som do oboé da caccia em uma peça de Bach:

Bach – Ricercare a 6, da Oferenda Musical | Nele Vertommen (oboe da caccia)

DESTAQUES