BLOG

B VOLTAR
chopin e a Música Nacional Polonesa

Chopin e a Música Nacional Polonesa

Frédéric Chopin, nascido em 1810, em Żelazowa Wola, uma pequena aldeia da Polônia, tinha dupla nacionalidade: seu pai era francês e sua mãe, polonesa.

Foi um dos pioneiros a incorporar os elementos musicais de seu país natal, como as danças tradicionais polonesas, as Mazurcas e Polonaises. Essa influência marcou toda sua obra, tornando-se uma referência para a música nacional polonesa.

Ao longo de sua vida, Chopin compôs mais de 56 mazurcas, algumas publicadas após sua morte. Já as polonaises foram 18, todas para piano, exceto sua Introdução e Polonaise Brilhante, para violoncelo e piano.

Com a Polônia sob o domínio do czar Nicolau I, no dia 29 de novembro de 1830 houve uma insurreição popular contra os russos, em Varsóvia, conhecida como Revolução Polonesa. Essa revolta, no entanto, foi derrotada pelas tropas do czar, levando milhares de poloneses a emigrar para outros países, especialmente a França.

Em 1831, Chopin estabeleceu-se em Paris, onde ficou até sua morte, em 1849, alcançando sucesso contínuo como compositor, pianista e professor.

Chopin dedicou-se essencialmente a escrever para o piano, compondo cerca de 200 obras para esse instrumento, sendo 170 para piano solo. Compositor de miniaturas, mesmo seus dois concertos e três sonatas são relativamente curtos.

Também compôs valsas, mas não vienenses como as de Strauss. Ele dizia que suas valsas eram parisienses.

DESTAQUES