BLOG

B VOLTAR
Mozart - Divertimentos

Mozart – Divertimentos

As expressões Divertimentos, Serenatas, Cassations e Noturnos eram usadas mais ou menos intercambiavelmente, sem muito rigor. 

Em princípio, as Serenatas eram, como o próprio nome diz, obras para execução ao ar livre, no sereno. 

Os Divertimentos seriam, então, peças de salão, música de fundo para ocasiões sociais. 

Mas, como dissemos, esses termos eram empregados sem rigor.

Mozart chegou a intitular uma obra de “Concerto ou Divertimento”, como é o caso do Concerto para Flauta e Harpa, K.299, que é música de salão, e que incluímos no conjunto que apresentaremos essa semana.

DESTAQUES