BLOG

B VOLTAR
Proust e a Música Francesa

Proust e a Música Francesa

Outros dois compositores franceses foram escolhidos por Proust para o programa do recital no Ritz:

François Couperin, com Les Barricades Mystérieuses (do Segundo Livro de Peças para Cravo, Ordem VI, n°5), composição em forma de rondó, de efeito hipnótico.

Couperin – Les Barricades Mystérieuses | Éva Szalai (piano)

– Reynaldo Hahn, compositor francês de origem venezuelana com quem Proust teve uma relação muito próxima (os dois chegaram a ser amantes).

Foram apresentadas transcrições para piano das canções À Chloris, baseada na linha de baixo da Área da Quarta Corda, de Bach, e L’Heure Exquise (das Chansons grises), escrita a partir de um poema de Verlaine que descreve o encontro de dois amantes em uma noite enluarada.

Hahn – À Chloris | Joyce di Donato (voz e piano)

 

Hahn – L’Heure Exquise | Renée Fleming (soprano) e Yannick Nézet-Séguin (piano)

DESTAQUES