BLOG

B VOLTAR
Ravi Shankar e Yehudi Menuhin

Ravi Shankar e Yehudi Menuhin

Quando Ravi Shankar conheceu o violinista Yehudi Menuhin (1916-1999) na década de 1950, houve uma afinidade por causa do violino (primeiro instrumento tocado por Shankar). Desde então, suas experimentações com o músico norte-americano foram muito ricas e influenciaram a carreira de ambos.

Grande promotor da música indiana para o público ocidental, Menuhin afirmou: “Ravi Shankar me trouxe um presente precioso e, através dele, acrescentei uma nova dimensão à minha experiência musical. Para mim, seu gênio e sua humanidade só podem ser comparados aos de Mozart”.

Shankar e Menuhin lançaram a trilogia West Meets East (1967, 1968 e 1976). O primeiro volume alcançou o primeiro lugar na lista de álbuns eruditos da revista Billboard e ganhou um Grammy Awards como “Melhor Performance de Música de Câmara”. O segundo também teve uma ótima repercussão. Já o terceiro não foi tão bem sucedido como os anteriores. Os álbuns incluíam composições de Shankar, Béla Bartók, George Eunescu, entre outros.

Nos vídeos a seguir, Yehudi Menuhin e Ravi Shankar falam sobre a música indiana e tocam juntos:

 

 

 

DESTAQUES