BLOG

B VOLTAR
Teremin: Mozart – Concerto nº 21, K. 467, Andante

Teremin: Mozart – Concerto nº 21, K. 467, Andante

O teremim foi criado em 1920 pelo físico russo Leon Theremin. Um dos primeiros instrumentos musicais completamente eletrônicos, produz um sinal de áudio pela combinação de duas frequências de rádio que criam um campo eletromagnético. Suas antenas de metal percebem a oscilação das mãos do músico para emitir as notas musicais, sem qualquer contato físico.

Saiba mais sobre o instrumento no vídeo a seguir:

Andante do Concerto nº 21, K. 467, de Mozart, é um dos movimentos mais líricos escritos pelo compositor. Foi apelidado de Elvira Madigan por ser usado como trilha sonora do filme homônimo (extremamente romântico e trágico).

Aqui, ouviremos a sua transcrição para o teremim na interpretação de Peter Pringle:

Saiba mais sobre o Concerto nº 21:

Mozart – Concerto nº 21 para Piano e Orquestra, K. 467

 

 

DESTAQUES